Os 10 tipos de inovação

Muitas vezes nos perguntamos ... Quantos tipos de inovação existem? Como muitas pessoas me fizeram essa pergunta, gostaria de compartilhar um mapeamento geral dos tipos de inovação que compartilho de acordo com o livro chamado "A disciplina de construção de avanços", escrito por Jay Doblin, consultor sobre essas questões há muitos anos.

Em seu livro, Jay Doblin indica que, para escrever este livro, analiso mais de 2.000 empresas por mais de 40 anos, incluindo IBM, Amazon e Ford Modelo T, para determinar os padrões de movimentos inovadores nas empresas de sucesso, mas também Como a inovação falha. A primeira coisa que notei foi que os esforços inovadores fracassam devido à falta de disciplina, não à criatividade. A inovação deve ser tratada com o mesmo rigor com que tratamos, por exemplo, a neurocirurgia. No livro, encontramos maneiras de corrigir as causas das falhas na inovação, como encontrar o nível certo de pesquisa para um tópico e como reduzir o risco até das partes mais complicadas da inovação.

Aqueles que são seguidores mais frequentes do que escrevi podem conhecer o Manual de Oslo, bem ... Este manual reconhece quatro tipos de categorias de inovação:

1.Organização
2. Processo
3. Produto
4. Marketing

Porém; Jay Doblin em seu livro agrupou os 10 tipos de inovação em três blocos ou categorias, como você pode ver no gráfico a seguir.

10 Tipos de Innovacion RC6

Configuração

Tudo o que tem a ver com a estrutura da organização. É a parte interna, que reflete a inovação nos processos, nos métodos organizacionais e no modelo de negócios.

Oferta

Esta seção inclui inovações em produtos tradicionais. As oportunidades das empresas para oferecer diferentes produtos ou serviços no mercado.

Experiência

Esta última seção inclui uma combinação de inovação e marketing de produtos. Como podemos nos diferenciar na experiência que oferecemos aos nossos clientes.

10 Tipos de Innovacion RC2

Após a análise da tabela, exploraremos as áreas com potencial para idéias inovadoras dessas três categorias abaixo:

CONFIGURAÇÃO

A configuração está relacionada ao modelo de lucro, à estrutura de negócios e ao processo. Este é considerado o núcleo do negócio e o back-end do processo de inovação. Esta seção lista quatro tipos de inovação.

1. Modelo de negócios: a geração de lucros

É assim que sua empresa ganha dinheiro, o foco central do seu modelo de negócios. Um bom exemplo é o Airbnb, que interrompeu o setor de hospitalidade ao criar uma plataforma que conecta hosts com pessoas que procuram acomodações, oferecendo opções ilimitadas para todos os orçamentos, em todo o mundo. Eles ganham uma taxa por cada reserva, mesmo que não tenham quartos.

A empresa Dell revolucionou o modelo de negócios da indústria de computadores pessoais, coletando pagamento antes que o computador estivesse montado e pronto para expedição, gerando um fluxo líquido positivo de sete a oito dias.

2. Desenvolvimento de rede: sobre como os ativos e competências de outras pessoas são combinados para criar valor

Este é talvez um dos tipos mais modernos de inovação atualmente

Como você pode inovar no relacionamento com alianças e redes no exterior, pois isso tem muito a ver com a aplicação de uma estratégia de inovação aberta.

Sua empresa deve fazer alianças com a indústria, artistas, pessoas influentes que podem destacar seu negócio, pessoas com quem você pode aprender, acessar sua tecnologia e recursos. É imperativo criar redes colaborativas e, por exemplo, a inovação aberta é um excelente exemplo de criação de redes produtivas. As empresas adotam uma startUp para usar suas idéias e tecnologias de ponta para desenvolver produtos inovadores, testar e lançar produtos melhores mais rapidamente.

Uma história de sucesso é a Natura; uma empresa brasileira de cosméticos que tem 250 pessoas em sua equipe de P&D. No entanto, é capaz de competir no desenvolvimento de novos produtos graças a alianças com 25 universidades que geram 50% de seus produtos em seu sistema aberto de inovação.

3. Estrutura organizacional: como os ativos e talentos de uma organização são organizados

São procuradas estruturas cada vez mais planas, com hierarquias mais baixas e mais trabalho colaborativo. Porque em um mundo onde os robôs substituem o trabalho repetitivo, a grande diferença estará nos intangíveis e nos novos modelos de estruturas organizacionais.

Nesse caso, o talento será a grande diferença entre algumas empresas e outras. E o importante não é atraí-lo, mas retê-lo.

A Buurtzorg é uma empresa holandesa que presta serviços de saúde em casa, gerenciados por equipes autônomas de enfermeiros, o que permitiu reduzir seu custo de administração e usar apenas 40% das horas prescritas pelos médicos, gerando economia nos serviços.

4. Processo: nos métodos proprietários de como o trabalho é realizado

A inovação de processos envolve a criação de métodos que farão sua empresa se destacar da concorrência. De um estudo realizado por Mckinsey, ele descobriu que empresas de moda rápida como Inditex ou H&M que reduziram drasticamente o tempo de produção, do esboço ao produto final, inovam na indústria da moda com a diversidade e abundância de opções oferecidas para clientes Zara por exemplo; oferece 24 novas coleções de roupas por ano; A H&M oferece de 12 a 16 e as atualiza semanalmente.

A IKEA é uma empresa sueca que otimizou a maneira como fabrica e comercializa seus produtos através da padronização de suas unidades modulares, do uso do mesmo conjunto de materiais para montagem de móveis, do mesmo catálogo de produtos em todas as regiões e de uma sistema de autoatendimento para que os clientes possam coletar suas compra.

OFERTA

Essa categoria de inovação se concentra no fornecimento de produtos e serviços.

5. Desempenho do produto: Em atributos e funcionalidades distintas

A otimização de processos tem sido talvez um dos tipos usuais de inovação de muitas empresas. Você sempre tem que reduzir custos, manter preços, dados os aumentos de preço das matérias-primas. Talvez algumas ferramentas pareçam Lean Manufacturing ou Six Sigma.

Esse tipo de inovação se concentra nas características do produto e no valor oferecido aos clientes. A Apple é um ótimo exemplo de inovação em termos de recursos, funcionalidade e design. Eles cobram um preço mais alto, mas os produtos e seu design universal têm seguidores leais desde o seu lançamento.

A Corning, fabricante norte-americana de materiais e produtos de alta resistência, desenvolveu o Corning Gorilla Glass, um vidro fino e ultra resistente que não é arranhado por um aplicativo móvel que foi aplicado a telas de televisão, PCs e tablets em 33 marcas diferentes em mais de um bilhão de dispositivos em todo o mundo.

6. Sistema do produto: Sobre a complementaridade de produtos e serviços

É a inovação por excelência, a mais popular e a que sai nas notícias. Como posso oferecer algo diferencial e rápido ao mercado. A aplicação de todas as tecnologias disruptivas é a alavanca chave para o desenvolvimento deste tipo de produtos, sempre com base nas necessidades do usuário.

Uma maneira poderosa de inovar é criar sistemas complementares em torno da principal oferta de produto para fortalecer sua posição no mercado e aumentar o conhecimento da marca. A Nike expandiu a oferta de produtos com aplicativos e instrumentos que aumentam a exposição da marca. O aplicativo Nike Connect é uma combinação de tecnologia digital inovadora e moderna que conecta fãs com ofertas e eventos exclusivos. Também ajuda os fãs da NBA a acessar tíquetes, listas de músicas da Apple dos próprios atletas e oferece aos fãs uma ótima maneira de acessar seus jogos.

High speed studio photography, moment of the impact of a bullet on a classic electric bulb. Detail of glass explosion, blue and purple lighting. Concept of obsolete energy.

EXPERIÊNCIA

Como a experiência do usuário é inovada e como é criada uma ótima interação cliente / produto?

7. Serviço: sobre como o valor é fornecido aos clientes em torno e além da oferta

A Starbucks é uma empresa que oferece uma experiência de serviço que vai além do café e permite gerar lealdade do cliente que aprecia atenção personalizada e a sensação de estar em casa, gerando um terceiro espaço social, diferente de casa e trabalho.

Crie uma experiência inovadora para o cliente, primeiro, entendendo as necessidades do cliente (necessidades de Wifi). Use esse conhecimento para que a interação geral com seu produto ou serviço seja gratificante.

A Burberry introduziu uma maneira de vender produtos diretamente do site online, enquanto a apresentação da nova coleção está sendo transmitida. Os clientes também podem personalizar os itens e ser os primeiros a comprar os produtos mais recentes.

8. Canal: sobre como as ofertas são entregues a clientes e usuários

Vivemos em um mundo "omnichannel", no qual todos os canais possíveis são integrados em um para oferecer uma experiência única ao usuário.

A M-pesa é uma empresa social no Quênia que permite aos clientes transferir dinheiro através de seus telefones celulares, economizando tempo e custos de transação. Atualmente, a M-pesa tem mais de 30 milhões de usuários no Quênia, Tanzânia e Moçambique.

Usando um modelo de assinatura, a Sisley criou uma caixa de beleza personalizada de produtos para maquiagem, cabelos e cuidados com a pele, que é entregue diretamente ao cliente mensalmente.

9. Marca: como a oferta da empresa e a própria empresa estão representadas

Certamente muitas marcas vêm à mente onde o que você compra não é um produto ou serviço, mas o relacionamento com a marca. De commodities como Coca-Cola (0,6 € / lata) a uma Ferrari.

É importante ressaltar que não se trata apenas de inovar na marca externa, mas também no que é chamado de marca do empregador (tornando a empresa atraente para os funcionários).

Sua marca é um dos seus bens mais valiosos. É um conjunto de valores, crenças, traços, características. É a maneira pela qual seu produto é percebido por pessoas de fora da empresa. A Apple mantém uma posição de liderança porque possui uma forte identidade de marca e valores claramente definidos com os quais as pessoas se identificam.

A empresa britânica Virgin estendeu sua marca a produtos tão diversos quanto telefone, companhia aérea e serviços de varejo. A estratégia “Intel inside” foi projetada para proteger a inovação do microprocessador em computadores.

10. Compromisso com o cliente

Um dos tipos mais complexos de inovação a serem alcançados é o vínculo emocional do cliente com a empresa. Para alguém se tornar um fã (ou evangelista) e não apenas comprar e comprar seu produto, mas poder vendê-lo para outras pessoas.

Eu vivi essa experiência pessoalmente com 2 marcas: com o U2 e com a Adidas. Nos dois casos, houve um ajuste dos meus valores com os deles, de modo que o preço vai para segundo plano em muitos casos. Gosto de qualquer contato com a marca (redes sociais, lojas, produtos).

10 Tipos de Innovacion RC4

CONCLUSÕES

Segundo os promotores dos 10 tipos de inovação, os maiores retornos de investimento existem nas categorias Configuração de negócios e Experiência do cliente, uma vez que são os menos utilizados pelas empresas.

Este artigo tem como objetivo destacar as áreas em que sua empresa pode inovar e ajudá-lo a se diferenciar da concorrência.

Os casos de inovação mais bem-sucedidos estão relacionados à configuração de plataformas que permitem montar pelo menos 5 tipos de inovação que permitem facilitar uma tarefa complexa a um grupo crescente e relevante de clientes. Um exemplo claro disso é a iniciativa Amazon Prime, que combina inovações em modelos de negócios, na cadeia logística, na experiência do cliente, na embalagem de vários serviços, etc. Todas essas inovações geram uma vantagem difícil de imitar por outras empresas que geram margens de lucro sustentáveis ​​ao longo do tempo.

Você vai procurar idéias relacionadas ao produto ou marca ou à rede de colaboração?

Uma das perguntas que você deve responder em seu plano estratégico de inovação é que tipo de inovação você irá atingir.

Como podemos desenvolver novos serviços de suporte que reforçam nossos produtos?

DESEJA COMENTAR O ARTIGO? O QUE ACHOU?

2 comentários sobre “Os 10 tipos de inovação”

  1. Caro Rodrigo, muito interessante este seu artigo, não consegui encontrar o livro do Doblin que você menciona que utilizou como fonte. Você poderia me enviar a referência completa ou mesmo um endereço na web onde eu possa encontrar este livro?
    Obrigado

    1. Olá,Henrique
      Muito obrigado por seu comentário

      Os dez tipos de inovação foram estabelecidos pela Doblin, uma consultoria de inovação fundada em 1971, por Larry Keeley e Jay Doblin. A empresa agora faz parte da Deloitte e é liderada por Larry Keeley, o líder global em inovação eficaz.
      https://www.amazon.com/-/es/Larry-Keeley/dp/1118504240

      Fico atento a qualquer dúvida adicional e, ao mesmo tempo, adoraria que você acompanhasse o Blog.
      Bom Dia!

Leave a Reply

Your email address will not be published.